Clínica Veterinária Filetti
Atendimento Emergência 24hrs na Baixada Santista 997 115 545
R. Alm. Tamandaré, 275 - Embaré • Santos • São Paulo
(13) 3227-5770 / 3227-5771 • filetti@filetti.com.br
 
 

Artigos e Matérias
 VER TODOS OS ARTIGOS 

Inseminação disponível também para os cães
CLÍNICA --0
A técnica, que até hoje era utilizada na reprodução de animais de grande porte, passou a ser indicada, com excelente resultados, em casos de dificuldade de cruzamento de animais de menor porte.
"A inseminação artificial deve ser aplicada em cachorros que possuam dificuldade em cruzar, como o Buldogue e o Basset Hound.

A técnica é indicada também quando o cachorro é acidentado ou tem algum tipo de paralisia, impossibilitando a reprodução por monta natural", afirma o veterinário Eduardo Filetti.

Segundo o veterinário, as cadelas entram no cio, somente, de seis em seis meses, ou até mesmo, anualmente.

Em 25 dias de fertilidade, ela só aceita cruzar com o macho do oitavo ao décimo terceiro dia. "Essa situação limita, ainda mais, a reprodução", comenta.

A prática só possui restrições para alguns animais de pequeno porte, como os gatos.

"Nesse caso, não há necessidade de inseminação artificial, pois os gatos têm ovulação induzida e o período de fertilidade é bem mais extenso que o dos cachorros", diz Filetti.

Caso não seja possível, realmente, realizar o cruzamento natural, nem mesmo com a ajuda de profissionais, alguns procedimentos devem ser realizados antes da aplicação da inseminação artificial.

Os cães devem passar por um exame de sangue e ser, preferencialmente, da mesma raça.

Além disso, devem ser vermifugados e vacinados, ter tamanhos semelhantes e atestado negativo de brucelose canina.

"Para raças grandes, é aconselhável fazer, antes, um raio x para verificar se existe displasia coxofemoral, uma lesão hereditária que impede o fêmur de encaixar-se perfeitamente na bacia", completa Filetti.

De acordo com o veterinário Celso Filetti, durante o procedimento, utiliza-se um aparelho específico para masturbar o cachorro e uma vagina artificial para recolher o sêmen.

"Logo em seguida, realiza-se a inseminação na fêmea.

Chamamos a técnica de inseminação a fresco, pois o sêmen dos cães não pode ser conservado por muito tempo.

Dessa forma, um mês depois, realizamos o ultra-som para ver se a fêmea engravidou. A probabilidade é de 90%, na maioria dos casos", explicou Celso.

Segundo os veterinários, o procedimento deve ser realizado em uma clínica de confiança, com profissionais capacitados.

"É muito importante que o material utilizado na inseminação seja higienizado para não passar nenhuma doença para os cães", afirmou Celso Filetti.

A aplicação da inseminação artificial, ainda pouco difundida no País, varia de R$ 200 a R$ 250, dependendo da Clínica onde se faz o procedimento.

"É um preço acessível, levando em consideração que um cão tem, em média, seis filhotes.

Dessa forma, se a intenção for vendê-los, o preço de um filhote já cobre, integralmente, o tratamento feito para a inseminação", finalizou Celso Filetti.





 


 



 
  Início
Vídeo
Download
Fale Conosco
Cadastro
  Institucional
  Artigos
Filetti News
Fotos
Saiu na Mídia
 
 
.:: • © Copyright 2003 - 2017, Clínica Veterinária Filetti ® • Santos • São Paulo • (13) 3227-5770 / 3227-5771 • filetti@filetti.com.br • http://www.filetti.com.br .::
.:: • PORTALWEB 5.0 ® • WCMS Web Content Management Systems • Development for Santos Digital ™ Global Strategy