8ª Cãominhada

8ª Cãominhada

Dizer que “o cão é o melhor amigo do homem” é a frase feita mais feita entre tantas outras conhecidas por nossos ouvidos. Comum aos arautos da sabedoria do óbvio. Mas, que eles são queridos e fiéis amigos, náo se tem a menor dúvida.
Talvez pelo olhar súplice, pelo silêncio como que nos acompanham, pelo sentido que o instinto traz de nos fazer companhia e carinho nas horas precisas, percebendo os altos e baixos de seus donos, muito mais do que os humanos… que foram perdendo a sutileza dessa hora certa em nome do Transtorno da Pressa. É claro que eles têm muitas compensações, em cuidados, trato, afagos, preocupações e trocas.
Num dia como o de domingo passado, esse retorno ficou bem claro naquela monumental festa de luz, alegria e colorido que movimentou a orla da praia, entre os canais 4 e 6, durante a 8ª Cãominhada, uma simpaticíssima promoção da TV Tribuna que a cada ano se supera.


Familia reunida na Cãominhada: Evandro e Valéria Trócoli com a filhota Giovanna, e Lady e Lord a tiracolo

Ainda mais com a quela manhã de encomenda, mesmo em pleno inverno, “a Glorius Day”, na expressão religiosa. Um dos pontos mais bonitos da festa canina, além do encontro de todo mundo conhecido e do prestígio dos santistas que comparecem em massa – e caminham e conversam sem correria ou intenção outra que não a confraternização -, é perceber nas pessoas o orgulho de mostrar o seu cão, pequeno, médio ou grande, de raças especialíssimas ou queridos e amorosos vira-latas.
Alguns os produziram ao esmero; outros simplesmente nada fizeram e os conduziram pela coleira ou mesmo no colo. O importante era a mensagem de afeto e o subtexto, o que não era dito e não foi escrito, mas estava estampado nas fisionomias dos donos – “nós te amamos, hoje é seu dia, você merece ser mostrado”. Carinho maior a esse amigo melhor!

Ylídia Mansur e todo o carinho com Chiara, frequentadora assídua da Cãominhada
Jornal A Tribuna
2018-01-22T16:53:13+00:00